A comunidade retrô não para e agora temos uma nova iniciativa surgindo. Estamos falando da Bitnamic Software, empresa luso brasileira que trará para o mercado novos jogos e relançamentos de luxo para microcomputadores clássicos.

Liderada por Filipe Veiga e Marcus Garrett a softhouse tem seu primeiro lançamento planejado para 14 de dezembro deste ano. Batemos um papo com o Marcus para conhecer um pouco melhor o projeto, confira.

 

O QUE É A BITNAMIC SOFTWARE?

Marcus: A Bitnamic Software é uma softhouse à moda antiga cuja missão é promover a produção e o lançamento de jogos nacionais tanto no Brasil quanto em Portugal. A ideia é fomentar a criatividade dos programadores e a criação de software luso brasileiro, uma vez que no exterior muita gente já produz jogos no esquema conhecido como homebrew.

QUEM ESTÁ A FRENTE DO PROJETO?

Marcus: As pessoas envolvidas são o Filipe Veiga, português da equipe da revista Espectro e do blog Planeta MS-DOS, e eu. O Filipe também é programador e está finalizando a criação de um jogo da revista Jogos 80, o Jogos 80 em: Cadê os Artigos?, cover tape (fita cassete) da edição #22 da revista.

Teaser de lançamento

QUAL A MOTIVAÇÃO DE LANÇAR JOGOS PARA MICROS CLÁSSICOS?

Marcus: Além de experimentar o “gostinho” de algo que era impossível de se ter quando éramos crianças nos anos 80, temos o prazer de transformar ideias em produtos acabados – com carinho e capricho! É como um antigo sonho que se torna realidade. E mais: lançaremos os jogos em fitas cassetes, disquetes e cartuchos (nos casos do MSX e do TRS-Color), que eram as mídias originais usadas na época!

COMO É O PROCESSO DE PRODUÇÃO DESSES JOGOS?

Marcus: Entre a ideia e a execução há um grande caminho a se trilhar, mas hoje existe uma imensa vantagem em relação à época: diversas ferramentas “modernas” que auxiliam o criador de jogos. Há, por exemplo, programas nos quais se torna possível compor músicas para os microcomputadores clássicos, os “trackers”, sendo possível transpô-las para as máquinas reais.

Isso também acontece com a parte visual, com os gráficos, que podem ser trabalhados em softwares modernos e depois utilizados nos micros antigos. Existem também ferramentas que auxiliam os programadores, tais como o Boriel BASIC e semelhantes, os quais apresentam funcionalidades “mastigadas” e todo o tipo de facilidades e “atalhos”. Viver no futuro é muito bom!

QUAIS OS MAIORES DESAFIOS DE DESENVOLVIMENTO?

Marcus: Apesar das imensas facilidades descritas na pergunta anterior, um grande desafio é criar algo original, ou seja, produzir um jogo com mecânica diferente e/ou inovadora. Eis o pulo do gato!

Tela de abertura do jogo Em Busca dos Tesouros

FALE UM POUCO MAIS SOBRE PRIMEIRO LANÇAMENTO “EM BUSCA DOS TESOUROS”

Marcus: Depois de gravar a entrevista para o documentário LOADING… com o criador do jogo, Tadeu Curinga da Silva, revelamos a ele a novidade da Bitnamic e oferecemos a ideia de relançar o Em Busca dos Tesouros. Mas desta vez, seria com toda a “pompa e circunstância”, já que à época não existiu – por uma série de motivos, vivíamos em outro mundo – um lançamento em grande escala e à altura do produto.

Originalmente, ele foi anunciado na lendária revista Micro Sistemas em 1986 e vendido como listagem (para digitação) e também em fita cassete. Contudo, as vendas parecem ter ficado aquém do verdadeiro potencial do jogo. Trata-se de uma verdadeira obra-prima nacional, um feito e tanto criado por um garoto de apenas 16 anos de idade na época – sozinho em casa e sem qualquer base formal de programação ou treino.

Telas do jogo Em Busca dos Tesouros

A nova versão 2019, retrabalhada pelo amigo Kelly Murta, traz algumas melhorias, tais como música (criada especialmente pelo amigo português Pedro Pimenta), efeitos sonoros e outras surpresas. Porém, essa nova parte sonora requer ou um upgrade de hardware ou o uso de uma interface ao estilo ZXpand, mas o jogo também funcionará em micros inalterados.

Faremos o lançamento no dia 14 de dezembro das versões Luxo e Super Luxo. Ambas terão a fita cassete duplicada profissionalmente e virão numa caixa grande e colorida, com um livreto – de 24 páginas – todo ilustrado. A Super Luxo virá ainda com outros mimos e surpresas, SURPRESA!

Manual do jogo Em Busca dos Tesouros

QUAIS OS PRÓXIMOS PASSOS E PROJETOS?

Marcus: Temos jogos originais em desenvolvimento e outros relançamentos em vista, mas somente para 2020. Um deles é o HalloWitch, um adventure de terror cuja interface/interação com o jogador é bastante interessante, diferente e animada, porém, não darei spoilers!

Podem esperar também por relançamentos de clássicos nacionais. A mensagem que deixo é: vamos prestigiar nossos autores e produtores de jogos, vamos prestigiar o Brasil e Portugal.

Curtiu a ideia e quer colaborar? Nos links abaixo é possível obter ainda mais informações, acompanhar os lançamentos e entrar em contato com a Bitnamic:

PUBLICIDADE