O colecionador de arcades Shoutime recentemente descobriu um jogo do Sonic, nunca lançado, até então. Ele se chama SegaSonic Bros.

O jogo é uma cópia de Cleopatra Fortune, um puzzle lançado exclusivamente no Japão, pela Taito com a Natsume, para Saturn, Playstation e Dreamcast. O SegaSonic Bros., é similar ao Tetris, porém, além de eliminar as linhas, são aceitas eliminações na diagonal (em L), usando a parte mais baixa da tela. É um pouco complexo e por vezes difícil de entender, mas é interessante ligar Sonics coloridos. O autor do jogo é Mitsuji Fukio, também um dos criadores do Puzzle Bubble, ou Bust-a-Move no ocidente.

Tela de abertura do jogo, muito bonita por sinal

Ao contrário dos jogos tradicionais de quebra-cabeças, o SegaSonic Bros. tem jogadores criando linhas e loops, usando os diferentes Sonics coloridos. A criação de uma linha pode ser feita conectando os Sonics da mesma cor, na diagonal, acima e abaixo um do outro. Peças caem do topo do tabuleiro em grupos de quatro, com as cores misturando aleatoriamente.

O objetivo é eliminar o maior número possível de peças no tabuleiro. Um bônus é concedido quando todo o tabuleiro é liberado, o que multiplica a pontuação dependendo do tamanho da combinação executada. A cada dez níveis, o jogador é premiado com uma Esmeralda do Caos.

Disputas no estilo Tetris com alguns adicionais

Quando a Esmeralda do Caos pousar no tabuleiro, ela eliminará tudo acima e no mesmo plano que ela. O fundo também muda a cada dez níveis, seguindo, aparentemente, cada estágio do primeiro Sonic the Hedgehog. Os estágios vistos até agora incluem a Green Hill Zone, a Marble Zone, a Labyrinth Zone e a Spring Yard Zone.

Jogatina contra a CPU ou contra o Player 2

Quando o jogador atinge o nível 30, uma quarta cor é introduzida,a branca. O jogo continua até que o tabuleiro esteja completamente cheio, ou até que o jogador atinja a pontuação máxima de 9.999.990 pontos. Os jogadores competem por pontuações diárias e também podem competir para obter 300.000 pontos ou sobreviver mais do que seu concorrente.”

PUBLICIDADE