Quem teve a sorte de possuir um PlayStation 1 nos anos 90 pode viver muita coisa boa – e alguns perrengues, que a gente adora relembrar. Que tal então listarmos alguns deles?

O dono de PS1 era colecionador de jogos piratas, daqueles alternativos mesmo, que a gente encontrava em tudo quanto era canto, e isso está longe de ter sido algo ruim. Não precisava de muito pra aumentar a coleção, toda semana saía jogo novo e teve época que você podia comprar 4 CDs por 10 reais. Era pirataria? Claro, só que foi um cenário muito comum e que ajudou demais a popularização do PlayStation por aqui.

A amada intro do PlayStation 1

Outra coisa que só os donos de PS1 passaram foi pelo mini-infarto toda vez que ligava o console com um jogo novo e ficava na expectativa de funcionar: ia, não ia, e a intro concluía com sucesso para a nossa alegria. Essa intro é uma das lembranças mais clássicas dessa época.

Quer relembrar essas e muitas outras coisas que só quem teve um PlayStation 1 viveu? Então, assista ao vídeo 15 COISAS que só quem teve um PLAYSTATION viveu abaixo:

Foi no PS1 que a gente viu uma grande evolução dos jogos, muitas franquias clássicas migraram para o 3D, outras voltaram com gráficos repaginados e tirando total projeto da geração 32 Bits.

Neste geração, os JRPGs começaram a chegar em peso aqui no Brasil por conta do PS1 (e da pirataria tudo que era novidade aparecia por aqui…). Pudemos jogar Wild Arms, Alundra, Grandia e muitos outros, sem contar, é claro, o fantástico Final Fantasy 7.

Se você teve o PS1 nos anos 90, ou até depois disso, com certeza passou por boa parte do que foi dito aqui ou no vídeo acima, então, pode pegar a sua carteirinha de “Eu limpei CD na camiseta” e se juntar ao nosso clube, com muitas boas lembranças.