Desde o início da pandemia do novo corona vírus, o futebol parou e assim a Band ficou sem sua importante programação esportiva aos domingos pela manhã. Com isso a emissora utilizou-se de sua parceria com a Sato Company para adquirir mais alguns de seus produtos e assim preencher a programação.

Olhando o cardápio da Sato, a Band viu uma oportunidade de nicho e resolveu fechar acordo para transmitir as nostálgicas e aclamadas séries Tokusatsu: Changeman, Jiraiya e Jaspion. Assim nossos amados heróis japoneses voltaram a TV aberta após algumas décadas.

Contudo, devido à união dos fãs do gênero, a programação acabou elevando a audiência do canal e bateu os números dos programas de esporte habituais. Assim, as séries passaram de um mero tapa-buraco para uma programação indispensável ao canal.

O RETORNO DE BLACK

Com as séries se aproximando de seu final, era hora de trazer outro velho conhecido dos nostálgicos de plantão: Kamen Rider Black. Com isso a Sato Company fechou negócio e trouxe a série de volta ao Brasil, com direito a uma nova dublagem, mas apenas no último episódio da série, o qual não havia sido transmitido no Brasil.

Mas a pergunta que não queria calar é: Black seria exibido na TV aberta ou iria apenas para o Amazon Prime Vídeo? Embora a informação tenha sido dada com antecedência pelo pessoal do canal Resistência Tokusatsu, foi apenas durante o painel da Sato Company no Geek Nation Brasil que essa dúvida foi oficialmente sanada.

No painel foi informado que Kamen Rider Black retornaria a TV aberta na Band no dia 30 de agosto, substituindo nosso amado Jaspion, que está chegando ao final. Contudo, ao invés de ser exibido às 11:50 no lugar de Jaspion, será exibido às 10:30h. Com isso, Changeman passaria às 11:10 e Jiraiya às 11:50, séries estas que também estão chegando ao seu final.

Ao contrário das séries que passam no canal, Kamen Rider chegará remasterizado em HD, com uma qualidade de imagem superior. Além do mais, conforme foi dito anteriormente, os dubladores originais Élcio Sodré (Issamu Minami) e Francisco Brêtas (Shadow Moon) retornam para realizar a dublagem do último episódio.

MAS QUEM É KAMEN RIDER BLACK?

Kamen Rider Black foi produzido pela Toei Company em associação com a Ishinomori Productions, em 1987 no Japão, e é a 8ª série da franquia Kamen Rider, fazendo parte do Período Showa, com 51 episódios no total. No Brasil, a série chegou em 1991 e foi exibida pela extinta Rede Manchete, além disso também teve lançamento em VHS pela Everest Vídeo.

A história foca Issamu Minami e Nobuhiko Akizuki, os quais por terem nascido durante um eclipse solar são sequestrados pela seita Gorgom na noite em que completam 19 anos de idade. O objetivo da seita é fazer eles lutarem entre si para o vencedor se tornar o Imperador Secular, visto que o Grande Rei já estava morrendo.

Para isso foi implantada a chamada King Stone em cada um deles, no qual o vencedor deveria arrancar a pedra do corpo do perdedor, assumindo o cargo de Imperador Secular. Mas, antes de completar o processo de transformação e lavagem cerebral, Issamu consegue escapar e em meio a uma luta contra os sacerdotes de Gorgom ele se torna o Kamen Rider Black.

Seu objetivo agora é lutar contra a seita para salvar Nobuhiko Akizuki das garras da seita, porém a tarefa não será fácil, visto que ele agora se tornou o guerreiro secular Shadow Moon.

TOKUSATSU NA TV

Com o retorno de Black e as outras séries chegando ao final, é muito provável que a Band colocará no ar também as outras séries em seu poder: Flashman e Jiban. Resta agora aguardar por mais novidades.

Enquanto o dia 30 não chega, continuem acompanhando as séries na TV e não percam o final de Jaspion no próximo domingo dia 23 de agosto. Não esquecendo que Changeman é exibido às 10:30h da manhã, logo após já começa Jiraiya às 11:10h e por fim temos nosso amado Jaspion às 11:50.