Dragon Ball Z foi um anime de tanto sucesso que mesmo sendo encerrado em 1996 continua gerando jogos de videogame até os dias de hoje.

Uma das séries de jogos que teve grande destaque durante a exibição da animação foi a Super Butoden, para o Super Nintendo, que chegou a receber três jogos, influenciou games de Dragon Ball para o Playstation e ainda teve um “sucessor espiritual” para o 3DS, desenvolvido pela Arc System, chamado Dragon Ball Z: Extreme Butoden.

Em 1994, um jogo de luta nos moldes da série Super Butoden foi lançado para o Mega Drive com o nome de Dragon Ball Z: Buyuu Retsuden. Como ficou por muito tempo, exclusivamente, no mercado japonês e depois foi lançado apenas em alguns países da Europa com tradução em francês (Dragon Ball Z: L’Appel Du Destin). O jogo acabou recebendo menos holofotes e ficou pouco conhecido pelo grande público.

Pensando nisso, separamos 10 curiosidades que talvez você não tenha percebido em Dragon Ball Z: Buyuu Retsuden:

1 – Modo Turbo

Caso você ache o jogo lento, existe um modo turbo que pode ser ativado pressionando, simultaneamente, os botões A e B quando ligar o console, aguardar a cena de introdução em que Goku aparece e, sem soltar esses botões, apertar o start. O céu da tela de título mudará de cor de azul para laranja e você terá certeza que o comando funcionou.

2 – Personagens exclusivos

Por mais que a série Super Butoden tenha apresentado vários personagens que não estão presentes em Buyuu Retsuden, o Mega também ganhou seus exclusivos. São eles: Kuririn, Rikum e Capitão Ginyu.

3 – Goku e Gohan não se transformam antes das lutas

Se repararmos na introdução das lutas e na tela de seleção de personagens, Vegeta e Trunks começam em suas formas normais e antes da luta se transformam em Super Saiyajins, já com Goku e Gohan não acontece o mesmo.

Isso se deve ao fato de que antes de enfrentar Cell, no anime, Goku diz a Gohan que eles devem permanecer transformados mesmo fora da batalha, o tempo todo, como forma de treinamento.

4 – Gohan Super Saiyajin 2

O cabelo do personagem Gohan não se parece nem um pouco com o de quando ele sai da Sala do Tempo e se transforma em super saiyajin na série. Diferente do primeiro Super Butoden, no Super Butoden 2 e no jogo do Mega o sprite adotado possui o visual de quando Gohan se torna um super saiyajin 2 durante a luta contra Cell.

5 – Roupa do Gohan

Apesar de transformado em super saiyajin no jogo, as munhequeiras e faixa da roupa do Gohan são vermelhas, parecendo muito com a roupa que ele usou até o começo da saga Freeza. A diferença é que depois de sair da Sala do Tempo na saga Cell, ele recebe roupas novas do Piccolo e suas munhequeiras e faixa são azuis.

6 – Cores do Piccolo

Existem algumas diferenças entre as cores utilizadas nos personagens do manga e do anime. Duas dessas diferenças são as partes que não são verdes no corpo do Piccolo e sua faixa, a qual, em alguns momentos do anime, muda entre vermelha e azul.

No jogo, o sprite adota a faixa vermelha e a cor da região dos braços, que é rosada no anime, é laranja, se parecendo mais com a versão do personagem no manga.

7 – Roupas claras

As roupas utilizadas pelos super saiyajins se mostram mais claras do que o habitual. Podemos observar que as roupas de Trunks e Vegeta ficam mais claras a partir do momento que se transformam quando a luta vai começar.

É provável que isso tenha alguma ligação com o conceito estabelecido quando Goku está na nave de Babidi lutando na escuridão e usa sua transformação de super saiyajin para iluminar o ambiente.

8 – Cenário do torneio

Apesar de o cenário do Torneio Mundial de Artes Marciais (Tenkaichi Budokai) estar presente no jogo, na época em que ele se passa – entre as sagas Freeza e Cell – o ring já havia sido destruído na luta entre Goku e Piccolo em Dragon Ball. O outro torneio que vemos posteriormente no anime e manga só aparece quando se inicia a saga Majin Boo.

9 – Macaco Bubbles

Ao entrar no menu de versus, escolher quaisquer personagens para que o game jogue sozinho e deixar o jogo pausado por cinco minutos, Bubbles, o macaco do Sr. Kaioh, passa correndo pela tela.

10 – Troca de corpo

Ao acessar os comandos no menu de pausa, podemos ver como executar as técnicas mais poderosas de cada personagem, como o Kamehameha de Goku, Masenko de Gohan e etc.

Cada personagem possui dois desses golpes mais poderosos, sendo que o segundo do Capitão Ginyu aparece apenas como uma interrogação e não mostra seus comandos. Esse se trata da troca de corpo, que é uma das principais técnicas do personagem, e pode ser executada pressionando trás, baixo, frente, trás, seguido do botão B.

Existem algumas condições para o ataque funcionar: você precisa estar com sua saúde em menos de ¼, a barra de ki estar no máximo e a tela divida com a linha preta, garantindo assim a distância mínima. Depois de trocar de corpo com o adversário não será possível usar suas habilidades pois, assim como na história, Ginyu ainda não estará acostumado com este novo corpo.

ATENÇÃO

Se você curte Dragon Ball Z não deixa de escutar os nossos Podcasts especiais, além de aprender mais curiosidades vai rir muito com a gente. Confira:

GeekZone 49 – DBZ: Saga Saiyajins
GeekZone 63 – DBZ: Saga Freeza