WarpZone vs. The Dimension comemora a inauguração do estúdio Pampa Fox, de Curitiba – Paraná, no mundo de desenvolvimento de games em uma parceria com a WarpZone repleta de memórias e homenagens aos games dos anos 90. O jogo não deixa de ser também um presente para os jogadores que acompanhavam a Revista Gamers já que conta com a participação do Capitão Ninja.

Na história, um poderoso vilão resolveu armar um plano para destruir todos os jogos do mundo, é aí que entra a dupla Warpinho R. e Warpinho P. para enfrentar 7 fases no braço, ou com a ajuda da Light Phaser Gun, a pistola do Master System. Suas habilidades também serão testadas ao pilotar um hoverjet enquanto desvia de obstáculos e elimina diversos inimigos pelo caminho.

A aventura vai te levar de volta aos anos 90

E não para por aí, entre uma fase e outra o jogo conta com cutscenes com dublagem e legendas em português, e também em inglês. Nessa opção, a localização recebeu a colaboração do compositor Barry Leitch (Top Gear, Horizon Chase Turbo), e para saber mais sobre essa produção continue lendo.

DO JEITO QUE FOI FEITO PARA SER JOGADO

Um jogo com duas jogabilidades distintas, isso faz o desafio ficar mais agressivo ou menos corporal, tudo vai depender do personagem escolhido para iniciar a aventura. Ambos possuem golpes sequenciais, e levando em conta a configuração do controle de Xbox 360/One. Os personagens contam com um golpe especial médio (Botão Y) que consome a sua energia, e um super especial (Botão X+Y) que consegue eliminar ou subtrair boa parte da energia dos inimigos a medida que reduz a barra de estamina dos Warpinhos.

Warpinho R é o guerreiro com a faixa vermelha na cabeça, ele utiliza socos e chutes que tornam o combate mais corpo a corpo. Por outro lado temos o descolado Warpinho P, que aparece na tela com um par de Light Phaser nas mãos. Ao jogar desse modo temos um combate com espaço para desviar das investidas dos capangas já que os projéteis das pistolas possuem médio alcance. Ao saber controlar bem a distância dos tiros não será problema ganhar vantagem contra dois inimigos espertos que aparecem em estágios mais avançados.

Diversas referências aos jogos clássicos

O jogo traz também três níveis de dificuldade: Fácil, Médio e Difícil. Nos três níveis, os continues são sempre na mesma medida, o que muda mesmo é a quantidade de vidas. Outro detalhe importante é a quantidade de inimigos em alguns pontos do percurso, mas nada para se preocupar, porque mesmo com a tela carregada o jogo se mantém estável em 60 fps.

PARA QUEM ESTÁ COMEÇANDO

Todas as fases são muito animadas, coloridas e repletas de fugas estratégicas. O mais interessante são as curiosidades que existem nos cenários e também nos personagens. Por exemplo, o soco final do Warpinho R lembra bastante o punho de Dynamite Düx. Os óculos de Warpinho P lembram os óculos escuros de Kid Chameleon.

Você pode empunhar duas Light Phaser

A participação do Capitão Ninja desperta lembranças muito curiosas da época das revistas de videogames. Naquele tempo, as revistas traziam diversos personagens fictícios que, muitas vezes, se tornavam mais famosos que os próprios redatores. Cada publicação tinha um grupo de personagens que passeavam pelas páginas e às vezes faziam até algumas brincadeiras com os games.

Na SuperGame víamos O Chefe, e as histórias de Billie Joy & Sticks. Já a GamePower trazia Baby Betinho, Marcelo Kamikaze, Marjorie Bros e Lord Matias como os redatores das análises e notícias. A revista Ação Games usava o personagem Frango com seu humor ácido e sem limites. E as edições da VideoGame contava com a participação do garoto Lig.

O Capitão Ninja também está presente

E aqui fica a pergunta: Quando teremos a participação ou Easter Eggs destes personagens? Fica aí a dica para as próximas produções, espero que este não seja o único trabalho e que venham mais jogos envolvendo este universo que tanto fez parte daqueles que acompanhavam as revistas.

PARA QUEM GOSTA DE UMA TRETA!

WarpZone vs. The Dimension está disponível no Steam, aproveite a temporada das festas de fim de ano e as promoções da loja digital para garantir o seu. É um jogo de classificação Livre que poderá despertar a curiosidade de alguns jogadores para conhecer mais do conteúdo dessas antigas publicações.

Para quem curte desafio, o game tem 25 Conquistas

E para você que gosta de desafios, o jogo conta com 25 Conquistas, a maioria é desbloqueada na jogatina Solo, enquanto outras são habilitadas somente ao jogar com aquela parceria. Lembrando que, agora com o Steam Remote Play, o segundo jogador não precisa estar na sua casa. Isso mesmo, o game recebe esse recurso adicional para você compartilha-lo com algum amigo ou amiga do Steam, mesmo que a pessoa não tenha o jogo.

Encare você também este universo e viaje sem escala para a dimensão dos anos 90. O game está disponível na Steam.