Uma das perguntas que mais me fazem é se o motivo pelas quais as pessoas vendem seus itens foi porque desistiram de colecionar ou perceberam que só estavam acumulando, etc.

Eu vou responder com base no maior número de respostas que tive das pessoas que me venderam seus itens, mas só no final do texto.

COMO DEVO COMEÇAR UMA COLEÇÃO?

O mais sensato é você colecionar o que você gosta, porém a gente sempre gosta de coisa cara. Então, pense em colecionar por prazer ou por investimento. Aí vai me perguntar: e dá pra colecionar pra investimento? Videogame SIM, mas a longo prazo e tomando muito cuidado.

Se for colecionar por prazer, o foco deve ser no que você gostava, no que te traz boas memórias e no que te faz feliz essas lembranças, pois é isso que o colecionismo traz, boas lembranças. Temos que pensar que quando éramos crianças, não tínhamos boletos pra pagar, não tínhamos responsabilidades, não tinha nada com o que nos preocupar a não ser ir pra escola.

Pensando nisso, você sabe que 90% das lembranças de videogame são boas, e na nossa infância SEMPRE existem aqueles jogos que jogamos ou que gostávamos mais. Eu, por exemplo, aos 40 resolvi voltar a comprar videogame, os primeiros jogos que comprei foram os Nigel Mansell do SNES, F1 e F-Indy, pois eu jogava muito, e na sequência o Mario World. E por que escolhi eles? Pois cada um tem uma história na minha vida, e por isso comprei eles em primeiro lugar.

Você sair gastando horrores logo de cara vai dar errado, você vai se frustrar, o ideal é você separar uma quantia a ser usada no mês para este fim, assim não rola frustração e no caso de um item passar o seu orçamento, no mês seguinte você deixa passar em branco.

DÁ PRA CONTROLAR ISSO?

Dá sim, quando a gente não tem dinheiro. Quando tem, você vai na busca do item e já era, mas isso vai fazer com que você pague caro em muitos itens. O lance de colecionar é simplesmente ter PACIÊNCIA, pois é o mais difícil de tudo, você tem que crer que aquele item que você deseja e está caro vai aparecer de novo e com preço mais justo pra você.

Outro fator importante é o FOCO, se você não tiver foco, vai colecionar muita coisa sem importância e sem apego, sem memória, ou seja, vai passar a gastar dinheiro e virar um ACUMULADOR em vez de um colecionador.

Além do foco, você precisa ter ATENÇÃO e OLHOS ABERTOS. Por exemplo, você coleciona itens da SEGA e aparece um item da Nintendo que você sabe que tem muitos interessados ou que conhece alguém que quer aquele item. Você pode comprar e ter um mínimo de lucro nisso, aí sim vira investimento rápido: vai comprar, revender e com a grana extra comprar o item que é mais caro e, assim, não tirar tanto do seu orçamento.

Ficar em alerta com o mercado é fundamental, escrevo essa coluna em Outubro de 2020, o PS5 e novo XBOX serão lançados em dezembro, os piores itens pra você vender HOJE são PS4 e XBOX ONE, pois vai ter muita oferta no mercado e pouca procura, fazendo com que valores de PS4 despenquem muito. Vai sobrar PS4, pois a galera vai migrar de console.

Colecionar game é estar numa montanha russa constante, vou explicar de uma forma rápida pra você entender. Vamos pegar o console PlayStation 4: ele foi lançado caro, ficou caro por anos, e a maioria da galera ainda não conseguia comprar; depois de uns 3 anos os preços não é que ficaram melhores, é que o seu poder de compra melhorou e com isso acabou comprando um console, ou não.

O PS4 não ia cair de preço, afinal, ele era o console de última geração, e o preço ia acabar se mantendo por um tempo até começar a aparecer os usados ou a galera começar a preparar a troca pra nova geração, que é o que vem acontecendo, estamos praticamente a 1 mês e meio do lançamento dos novos, a quantidade de oferta do Play 4 vai explodir e a de procura diminuir, sendo assim, o PlayStation 4 vai baixar de preço.

Mas por que na pandemia o valor não baixou? Simplesmente porque o mercado de games na pandemia explodiu. Afinal, todo mundo em casa, sem ter o que fazer, e lá se foram os games ligados novamente. Voltando ao Play 4, esse é o pior momento pra vender, pois a oferta estará alta e a procura baixa, já o PS5 entra agora num gás total, afinal, a oferta é baixa e a procura é alta.

O PlayStation 4 entra agora num estágio de “estacionamento”, ou seja, fica com o valor com uma variável que pouco se altera por um bom tempo, o mesmo vale pros jogos, eles vão estacionar EM BAIXA, pois o PS5 terá reinado junto com os novos por um bom tempo, já o PS4 terá um longo tempo de exposição na prateleira, afinal, numa loja como a minha, ele passa a ser prateleira central, aos olhos dos clientes, pois assim como tem uma galera migrando pro Play 5, vai ter outra migrando pro Play 4 e começando a colecionar o mesmo.

Tá, mas ele subiu e agora caiu, e cadê a montanha russa? Ela está no PS3, isso mesmo, os jogos de Play 3 hoje passam a ter menor procura, e a oferta deles também, pois aparece menos, assim o valor do PS3 passa a subir (bem pouco, tipo, jogo de 40 passa pra 45 etc.) e o Play 4 se mantém. Contudo, quando chegar uma nova geração, o Play 4 volta a ter subida, pois ele estará no lugar do PS3 de hoje.

Jogos de PS2 e PS1 estão cada dias mais caros, pouca coisa, mas estão, por quê? Porque não tem ninguém ofertando, e quando oferece, é pra algum desconhecido, pra um amigo ou vende direto, e quem não recebe esse item, somos nós, LOJAS.

Então devo investir em PLAY 4? De forma alguma, agora é a queda, é um bom momento pra COMEÇAR a COLECIONAR, serão jogos ótimos que vão pras prateleiras nos próximos meses com preços baixos.

Como a coluna de hoje ficou longa, na próxima falaremos sobre usar a coleção pra INVESTIR. Sobre colecionar, nunca se esqueça desses passos:

PACIÊNCIA, o item VAI surgir de novo.
ORÇAMENTO, não comprometa todo o seu dinheiro
OPORTUNIDADE, mesmo não sendo o que você quer, pode ser moeda de troca
AUTO-CRÍTICA, precisa mesmo desse jogo ou virou acumulador?