Todos que viveram a “Era dos Arcades” sabem como é apreciar aqueles grandes gabinetes, sempre coloridos e iluminados, que ficaram guardados na nossa memória.

O tempo passou, o mundo dos games mudou, mas nem por isso, os gabinetes dos nossos queridos fliperamas deixaram de ter atenção. Um designer sueco, Love Hulten, desenvolve um excelente trabalho criando gabinetes de arcade. Na base do “lindos como sempre, e caros como nunca”, o trabalho do designer envolve criar projetos bem interessantes.

Para começar, que tal uma mesa de café “gamer”? Ela oferece uma mesa, com alavanca direcional e botões, para “trocar uns hadoukens” entre um café e outro:

Há também o Puya, um conceito de NES funcional que mais parece um carro dos Jetsons. Mas, mesmo assim, é muito estiloso:

Não contente, Hulten também criou um NES, com gabinete de TV e que funciona como case, para você guardar seus cartuchos. Alguém podia ter pensado nisso antes, não é mesmo?

E há um mesmo modelo, neste estilo, para o Super Nintendo:

E esta mala? Parece uma mala de madeira comum, não é mesmo? Mas dentro desta “mala de espião” há um potente arcade prontinho para a jogatina.

E, por fim, este “Game Boy de madeira”, que faz a jogatina portátil ser um pouco mais “rústica”:

Entre os itens à venda temos três produtos que custam entre 2.799 dólares (R$ 16 mil, na cotação atual) a 4.299 dólares (R$ 24.700, na cotação atual). Isso sem considerar impostos, gastos com envio, e taxas de alfândega. Mas, é incrível ver a possibilidade de nossos consoles preferidos terem um tratamento mais estiloso, não é mesmo?

PUBLICIDADE